Aplicativo do STJ permite a consulta de processos pelo smartphone

Tela do aplicativo oficial do STJ

Tela do aplicativo oficial do STJ

O STJ lançou uma nova versão do seu aplicativo oficial para os smartphones com sistemas iOS e Android, que passou a permitir a consulta de processo por nome das partes e advogados, além do número de inscrição na OAB.

O aplicativo é gratuito e pode ser encontrado na Apple Store (iOS) e no Google Play (Android), digitando a palavra “STJ” na busca.

Testei o aplicativo no iPhone 4 e funcionou direitinho. Ele divide o resultado da busca por advogados e partes, relacionando os respectivos processos com número, data da autuação, nome do autor e do réu. Ao clicar nos dados do processo, o aplicativo exibe as fases do processo, localização, assunto, decisões, dados das petições protocolizadas e números de origem.

Saudações,

Rodrigo – evoltecno

Mini cursos sobre processo eletrônico e certificação digital na Ordem dos Advogados de Santos

A Comissão de Informática Jurídica e Direito Eletrônico da Subseção de Santos da Ordem dos Advogados do Brasil, realiza mini cursos, todas as quartas-feiras, quinzenalmente, a partir do dia 13 de março, sempre das 9 às 11 horas, na sede da Subseção
(Praça José Bonifácio, 55, Centro de Santos).
Informações pelo telefone: (13) 3226-5900.

Veja a programação:

13 de março: Digitalizando documentos para instruçao do processo eletrônico

27 de março: Formação da petição inicial e intermediária no processo eletrônico (PDF)

10 de abril: Saiba como utilizar sua certificação digital

24 de abril: Assinando digitalmente documentos

08 de maio: Citação, intimação e contagem de prazos no processo eletrônico

22 de maio: Peticionando eletronicamente no Supremo Tribunal Federal (STF)

05 de junho: Peticionando eletronicamente no Superior Tribunal de Justiça (STJ)

19 de junho: Peticionando eletronicamente no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ/SP)

03 de julho: Peticionando eletronicamente no Tribunal Regional do Trabalho da 2a. Região (TRT2)

17 de julho: Peticionando eletronicamente no Tribunal Regional Federal da 3a. Região (TRF3)

QR Codes na cidade do Rio de Janeiro

Achei espetacular a iniciativa de colocar QR Codes nos calçadões da cidade do Rio de Janeiro.

QR Code na calçada da cidade do Rio de Janeiro

QR Code na calçada da cidade do Rio de Janeiro

Para ler o que está codificado, basta possuir um aplicativo instalado em seu smartphone c/ câmera digital, como o “Scan” para iPhone. Não tem segredo, o programa já abre o modo câmera e ao enquadrar o código, a mensagem que está codificada é exibida. Faça um teste: digite “QR Code” na busca por imagens noGoogle.com.br.

Viajei no pensamento de quantos códigos as antigas civilizações deixaram como legado nas paredes das pirâmides e outras estruturas históricas, assim como nos livros e objetos encontrados em escavações arqueológicas, os quais o homem ainda não conseguiu decifrar totalmente.

 

Hieróglifos

Quando leio a respeito da tecnologia que algumas antigas civilizações dominavam, imagino que muitas delas podem ter sido mais avançadas que a nossa. Na realidade, é quase uma certeza.

Wernher von Braun, cientista alemão que trabalhou no desenvolvimento de foguetes para a Alemanha nazista e posteriormente para os Estados Unidos, tendo sido o pai do foguete que levou os norte-americanos à lua, bem como o mentor do programa espacial americano na NASA, não teve pudor algum em afirmar que a tecnologia em que ele e sua equipe trabalhava vinha de fonte extraterrestre.

Wernher von Braun

Wernher von Braun

 

Nada obsta que civilizações antigas também tenham tido acesso a essa tecnologia, como, também, essas próprias civilizações tenham origem extraterrestre. Não há evolução se fecharmos nossa mente para o desconhecido.

A chave do conhecimento sobre a humanidade está em um código: DNA, o qual almejamos decifrar totalmente um dia.

Voltando aos QR Codes, se após um cataclismo, uma nova civilização se formasse, como agiriam seus membros ao se depararem com alguns trechos intactos da calçada do Rio de Janeiro em que esses códigos estivessem presentes? Saberiam eles que esses desenhos contém informações sobre o local? E mais: dominariam a tecnologia para decifrá-los?

Saiba mais sobre os QR Codes na cidade do Rio de Janeiro

II Simpósio de Informática Jurídica e Direito Eletrônico da OAB/Santos

II Simpósio de Informática Jurídica e Direito Eletrônico da OAB/Santos

“A evolução tecnológica em sua versão 2.0″
02 a 04 de outubro de 2012

II Simpósio de Informática Jurídica e Direito Eletrônico da OAB/Santos

** Dia 02 **

19h
Abertura do evento.19h às 22h
Palestrante: Dr. Alexandre Rodrigues Atheniense – Advogado; Especialista em Internet Law e Propriedade Intelectual pela Berkman Center – Harvad Law School; Coordenador do curso de pós-graduação em Direito e Tecnologia da Informação na Escola Superior de Advocacia da OAB/SP; Autor das obras jurídicas: “Internet e o Direito” e “Comentários à lei 11.419/2006 e as Práticas Processuais por Meio Eletrônico nos Tribunais Brasileiros”.

Tema: Panorama do processo eletrônico no Brasil: 5 anos da Lei 11.419/06

** Dia 03 **

19h às 20h30m
Palestrante: Dr. Coriolano Almeida Camargo – Advogado; Mestre em Direito na Sociedade da Informação; Presidente da Comissão de Direito Eletrônico e de Crimes de Alta Tecnologia da OAB/SP; Coordenador do programa de pós-graduação em Direito Eletrônico da Escola Fazendária do Governo do Estado de São Paulo e da FADISP; Professor convidado da Academia Nacional de Polícia Federal e da Escola de Magistratura do Tribunal Regional Federal; Ministra aulas no Mackenzie, na FGV e no MBA da EDP.

Tema: O atual cenário dos crimes cibernéticos e os novos fenômenos da era da Sociedade da Informação

20h30m às 22h
Palestrante: Prof. Dr. Edison Spina (USP) – Engenheiro; Doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (USP); Professor da USP e da Universidade do Estado de Amazonas.

Tema: Internet das Coisas (IoT)

** Dia 04 **

19h às 20h30m
Palestrante: Dr. Vitor Hugo das Dores Freitas – Advogado; Conselheiro Secional da OABSP e Presidente das Comissões de Ciência e Tecnologia da OABSP e de Direito na Sociedade da Informação e Crimes Eletrônicos da OAB/Pinheiros; Especialista em Direito Eletrônico pela ESA – Escola Superior da Advocacia de São Paulo; Conselheiro Suplente pela OABSP no Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) e Junta Comercial do Estado de São Paulo (JUCESP); Diretor Executivo do Escritório Brasileiro da Internet Society – ISOC, Implantou a Rede Social ADV5 na OABSP, palestrante pela OABSP.

Tema: IPV6: aspectos jurídicos do novo protocolo de internet

20h30m às 22h
Palestrante: Prof. Dr. Demi Getschko – Engenheiro; Doutor em Engenharia de Eletricidade pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP); Professor da Pontifícia Universidade de São Paulo (PUC-SP); Diretor-Presidente do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (Nic.br) e Conselheiro do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br); Foi um dos responsáveis pela primeira conexão TCP/IP brasileira, que ocorreu em 1991, entre a FAPESP e a ESNet (Energy Sciences Network), nos Estados Unidos, por meio do Fermilab (Fermi National Accelerator Laboratory), por isso, é considerado um dos pais da Internet brasileira.

Tema: Diretrizes da internet no Brasil

Realização:
Ordem dos Advogados de SantosCoordenação e Organização:
Comissão de Informática Jurídica e Direito Eletrônico da OAB/Santos

Local:
Sede da OAB – Subseção de Santos/SP –
Auditório no 2o. andar da Casa do Advogado I -
Praça José Bonifácio, 55 – Centro – Santos/SP

Inscrições:
Gratuitas – vagas limitadas – faça sua inscrição on-line: http://www.oabsantos.org.br/cursos-palestras/106-ii-simposio-de-informatica-juridica-e-direito-eletronico-da-oab-santos/ ou pelo telefone: (13) 3226-5900

Café & Tecnologia – Internet das Coisas: Objetos que Falam

O Prof. José Roberto de Almeida Amazonas estará proferindo a palestra gratuita: “Internet das Coisas: Objetos que Falam”, no próximo dia 22 de agosto de 2012, na Rua Padre Eugenio Lopes, 361 – Morumbi, São Paulo – SP.

Para inscrições e mais informações sobre o evento, acesse: http://www.fdte.org.br/index.php/sala-de-imprensa/eventos/201-cafe-a-tecnologia-internet-das-coisas

Tandy 102: um portátil com história

Tandy 102

Tandy 102 – integra a coleção do autor do Blog

O Tandy 102 foi fabricado no Japão pela Kyocera na década de 1980, e pertencia a linha de computadores TRS-80, muito copiada no Brasil por empresas nacionais como a Prológica, fabricante da famosa linha “CP” de microcomputadores (CP 200, 300, 400, 500 etc). Trata-se de um computador portátil bem avançado para aquela época, que apresenta um visor LCD monocromático com tamanho reduzido e modem embutido (300 baud), este com velocidade de transmissão de informações ínfima se comparada às atuais que podem chegar a atingir 100 Mbps, e insuficiente para navegar pela atual rede mundial de computadores. Todos os programas da ROM foram escritos pela Microsoft, alguns deles pelo próprio Bill Gates! Esses programas incluíam uma versão da linguagem BASIC, editor de texto e um programa de telecomunicações. O Tandy 102 opera a 3 MHz de velocidade e tem 24 Kb de RAM (expansível até 32 Kb), sendo que a ROM ocupa parte dessa memória, podendo ser ligado a uma unidade externa de disco de 5 ¼” ou  3.5”. Os computadores portáteis atuais operam em velocidades bem superiores e possuem múltiplos núcleos de processamento, além de contarem com a possibilidade de expansão da RAM que pode ultrapassar a barreira dos 24.000.000 Kb! Funciona com 4 pilhas alcalinas pequenas AA ou ligado à energia elétrica por meio de uma fonte DC. Além do curioso fato de alguns programas terem sido escritos pelo próprio Bill Gates (antes de se tornar exclusivamente empresário), o CPU do Tandy 102 (Intel 80c85) foi utilizado na primeira missão espacial ao planeta Marte que incluiu um veículo robótico de exploração (Mars Pathfinder).

 

Mars Pathfinder

Mars Pathfinder

Curso de CERTIFICAÇÃO DIGITAL na ESA/Guarujá

Informativo da Ordem dos Advogados de São Paulo:


Participe dos cursos da

ESCOLA SUPERIOR DE ADVOCACIA – NÚCLEO GUARUJÁ

 

 

Título: Certificação Digital

Professores: Rodrigo Marcos A. Rodrigues

Objetivo do Curso: Apresentar conceitos fundamentais da Informática como ferramenta aplicada ao Direito, sob o ponto de vista operacional das novas tecnologias, analisando os efeitos jurídicos decorrentes da utilização do meio eletrônico nos atos judiciais e extrajudiciais, com especial ênfase ao ato processual de peticionamento eletrônico com certificação digital nos sistemas criados pelos tribunais, consoante a MP 2.200-2/2001 (certificação digital) e a Lei 11.419/2006 (processo eletrônico).

Datas das aulas: 30 de maio – 06, 13, 20 e 27 de junho.
Obs.: O início do curso foi prorrogado para o dia 13 de junho

Duração do Curso: 05 aulas.

Quantidade de vagas: 50.

Horário: (Noturno – 19:00 às 22:00 horas (quarta-feiras)

Matrículas: No Núcleo Guarujá – Rua Ubaldo Sório, nº 56, Vila Maia, Guarujá, das 9:00 às 18:00h, até o dia 28 de maio ou até preenchimento das vagas.)

Investimento: R$ 240,00 (em duas parcelas de R$ 120,00)

A quem se destina: ADVOGADOS EM DIA COM A ANUIDADE DA OAB/SP E ESTAGIÁRIOS.

Mais informações: www.oabsp.org.br/esa -
e-mail: guaruja@esa.oabsp.org.br

ESA- Núcleo (Guarujá)
Rua: Ubaldo Sório, nº 56 – Vila Maia – Tel.: 3355.6260 – ramal 04.

Nome do Coordenador: Dr. Gustavo Rodrigues Capociama de Rezende

Tela dos anúncios pagos no Google

Google mostra suas garras

O Google realmente não tem mais medo de esconder sua faceta mercantilista

Recebi duas correspondências, uma por intermédio da Locaweb e outra pela Abraweb, oferecendo créditos (R$ 150,00) para anunciar no Google AdWords. Os créditos somente podem ser utilizados em novas contas (campanhas). A empresa oferece até mesmo suporte telefônico (0800) para ajudar a criar os anúncios.

Tela dos anúncios pagos no Google

Tela dos anúncios pagos no Google

Para quem não conhece, o Google AdWords é um serviço de publicidade paga, no qual o anunciante monta uma campanha em que determina as palavras-chave para que seu anúncio seja exibido no resultado da busca ou em sites segmentados. Cada palavra-chave custa um preço, cujo valor dependerá de sua popularidade. O anunciante paga por cada clique efetuado em sua publicidade, podendo estabelecer um valor máximo diário, ou seja, caso estabeleça R$ 30,00/dia para sua campanha, o anúncio será suspenso quando atingir a somatória de cliques correspondente a esse valor, voltando a ser exibido no dia seguinte.

Tela dos anúncios pagos no Google

Tela dos anúncios pagos no Google

Segundo matéria veiculada na mídia, o Google está de mudança  para um mega prédio comercial em SP, superluxuoso,  o Pátio Bandeiras. Ocupará três andares deste prédio, passando a ser o maior escritório da empresa na América Latina.

Quem é o maior concorrente do Google? Facebook? Microsoft? Dica: informação é a moeda mais valiosa do século XXI. A batalha é de gigantes …